Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O Blog da Ervilha

Um blog sobre tudo o que me apetece.

O Blog da Ervilha

Um blog sobre tudo o que me apetece.

AVÓ

Tive duas Avós, uma por mais tempo do que outra, mas a minha Avó materna é me muito especial, uma Avó de contos de fada.
Esta Mulher - que criou três filhos sozinha, de forma irrepreensível - era: independente, guerreira, honesta, determinada, dedicada, uma pessoa educada e que sabia estar em qualquer lugar; era muito trabalhadora, ela orgulhava-se de “nunca ter feito nada que a envergonha-se”, morreu com pouco de seu mas sei que o mais importante para ela é que não deixou dívidas.
Recordo-me de olhar para a minha Avó e a percecionar enorme, também porque era criança e ela era alta para a sua geração, mas porque a achava a maior e mais importante de todas as avós. A minha Avó tinha cheiro, a memória olfativa é incrível ainda hoje sinto o cheiro dela, cheirava a sabão rosa e a comida.
A minha Avó Emília era uma excelente cozinheira, ainda hoje é recordada como alguém que mostrou novos paladares a muitos: desde o arroz de marisco à lampreia assada, passando pelos rissóis de marisco e pela bôla de carne. Lamento – entre imensas outras perdas – o facto de ela nunca ensinar ninguém a fazer as suas receitas, demo-la sempre como garantida e ela morreu sem deixar este seu legado, eu própria procuro receitas que vão de encontro às dela, mas falta sempre algo, talvez seja ela e o seu cheiro.
Passei muito tempo com a minha avó, ela morava perto da escola (que nos anos 90, numa aldeia, era só manhã ou só tarde) eu tinha aulas de manhã e depois ela levava comigo a tarde toda a azucrinar-lhe a cabeça, até à hora do meu Pai passar do trabalho e levar-me para casa. Estas eram as minhas tardes: almoço da Avó, trabalhos, chã da Milupa ao lanche e muita companhia. A minha Avó era carinhosa - ainda hoje me lembro de como ela olhava para mim, como ninguém nunca olhou ou olhará – mas não se enganem ela era carinhosa mas educava, era bem assertiva na ações e repreensões, porque isso é educar.
A minha Avó foi um exemplo vivo do que quero para mim, não há nada mais elogioso do que me dizerem que, em qualquer coisa, sou parecida com a minha AVÓ EMÍLIA.

59384870_1126737780869908_3950861401077055488_n.jp

 

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2009
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2008
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub